100%

Ministério Público não vê inconstitucionalidade em projeto de lei que regulamenta implantação de loteamentos em Laguna

Ministério Público não vê inconstitucionalidade em projeto de lei que regulamenta implantação de loteamentos em Laguna

O presidente da Câmara de Vereadores de Laguna, Cleosmar Fernandes, foi informado da decisão do Ministério Público de Santa Catarina - MPSC, que indeferiu o pedido de investigação de possível inconstitucionalidade do Projeto de Lei 090/2018, aprovado pela maioria dos vereadores.

A proposta do projeto é proibir a emissão de alvará de construção e licenciamento ambiental em loteamento que não foi definidamente implantado.

O pedido do Conselho de Desenvolvimento Municipal – CDM solicitava que o Ministério Público analisasse se o projeto de lei era ilegal. O CDM alegava que existia parcelamento do solo, e que por isso, não havia competência da Câmara em produzir o projeto.

A promotora de justiça, Letícia Vinotti da Silva, indeferiu o pedido e enviou comunicado as partes interessadas. [... Indefiro a instauração de procedimento preparatório/inquérito civil público no âmbito desta Promotoria de Justiça...] Consta no documento.

Após aprovado, o projeto de Lei 090/2018 foi encaminhado ao prefeito Mauro Candemil, que vetou. O veto do prefeito está em tramitação no Poder Legislativo, e deve ser votado nas próximas Sessões.

O presidente da Câmara, Cleosmar Fernandes, comemorou a decisão do MPSC, “... nós sabíamos da legalidade do projeto, e por isso seguiu toda tramitação legal. Nossa intenção é resguardar que pessoas de boa fé, que acreditam em Laguna, e que querem seguir investindo aqui. Temos vários loteamentos que iniciaram e não foram concluídos, queremos dar segurança para pessoas que lutam uma vida toda para juntar recursos e comprar a casa própria, para isso o loteamento tem que estar completo de infraestrutura” concluiu Fernandes.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 24/04/2018 - 18:47:12 por: Sidnei Oliveira - Alterado em: 24/04/2018 - 18:47:12 por: Sidnei Oliveira

Notícias

Câmara terá Sessão Extraordinária nesta sexta-feira, dia 28
Câmara terá Sessão Extraordinária nesta sexta-feira, dia 28

o presidente da Câmara, Cleosmar Fernandes, convocou para esta sexta-feira (28), Sessão Extraordinária para apreciar o veto prefeito Mauro Candemil ao projeto de lei 085/2018, que " tem como objetivo principal regulamentar as regras para uso do espaço público na cidade de Laguna. Conforme é de conhecimento de todos, vem ocorrendo em nossa cidade alguns eventos que alguns casos carecem da devida regulamentação e fiscalização. Nesse sentido, se faz necessário a regulamentação por meio de uma lei própria, a concessão dos espaços públicos para a realização de determinados eventos."

Vereadores votaram 687 proposições em 2018
 Vereadores votaram 687 proposições em 2018

Os vereadores de Laguna, durante o ano de 2018, votaram 687 proposições, sendo que nesta quantidade estão inclusos projetos de lei (PL), projetos de lei complementar (PCLs), projetos de resolução (PR),  e projeto de decreto legislativo (PDL), além de requerimentos e moções. Os dados foram finalizados nesta quarta-feira (19),  pela Secretaria Legislativa e divulgados pela Assessoria de Relações Públicas e Comunicação Social

Seguindo decreto municipal, presidente suspende atividades no Poder Legislativo
Seguindo decreto municipal, presidente suspende atividades no Poder Legislativo

O presidente da Câmara, Cleosmar Fernandes, suspende o expediente do Poder Legislativo, nos dias 24, 26, 27, 28, e 31 de dezembro de 2018 e nos dias 02, 03 e 04 de janeiro de 2019, conforme Decreto Municipal nº 6.013, de 07 de dezembro de 2018, assinado pelo prefeito Mauro Candemil.

Porém, no dia 01 de janeiro de 2019, ocorre a posse da nova Mesa Diretora para o biênio 2019/2020. O ato esta marcado para acontecer às 11h, conforme Regimento Interno da Câmara de Vereadores.

LUTO: Morre a primeira mulher eleita vereadora em Laguna
LUTO: Morre a primeira mulher eleita vereadora em Laguna

Morreu nesta quarta-feira (7), em Florianópolis, a lagunense Adelaide Andrade Ramos, aos 90 anos, a primeira mulher a ocupar uma cadeira na Câmara de Vereadores de Laguna. Adelaide exerceu o mandato entre os anos de 1955 e 1958

Vereadores buscam, em Brasília, recursos para o município
Vereadores buscam, em Brasília, recursos para o município

Em viagem à Brasília, nos dias 30 e 31 de outubro, os vereadores Thiago Duarte (MDB) e Rodrigo Moraes (PR) estiveram reunidos com parlamentares catarinenses. Na pauta das reuniões foram solicitadas emendas parlamentares para obras, veículos e recursos para a Secretaria de Saúde de Laguna.