100%

Vereadores votaram 687 proposições em 2018


Vereadores votaram 687 proposições em 2018

Os vereadores de Laguna, durante o ano de 2018, votaram 687 proposições, sendo que nesta quantidade estão inclusos projetos de lei (PL), projetos de lei complementar (PCLs), projetos de resolução (PR),  e projeto de decreto legislativo (PDL), além de requerimentos e moções. Os dados foram finalizados nesta quarta-feira (19),  pela Secretaria Legislativa e divulgados pela Assessoria de Relações Públicas e Comunicação Social.

 O relatório apresenta  dados, como: Atos da Presidência (33), Balancetes da prefeitura (6), Decreto Legislativo (19), Denúncia (2), Emenda (61), Emendas à Lei Orgânica (2), Lei Complementar (38), Lei Ordinária (67), Moção (29), Ofício CML/GAB/N.(154), Prestação de contas do Prefeito (1), Projeto de Decreto (10), Projeto de Emenda à Lei Orgânica (3), Projeto de Lei (95), Projeto de Lei Complementar (45), Projeto de Resolução (2), Requerimento (494), Vetos (11).

Apenas dois projetos seguem em tramitação no Poder Legislativo, e que serão votados após o fim do recesso parlamentar, iniciado no dia 19 dezembro de 2018 e termina em 2 fevereiro de 2019. Outros três projetos foram protocolados pelo Poder Executivo, porém  após o início do recesso.

Durante o recesso parlamentar os vereadores podem voltar  a se reunir caso o prefeito Mauro Candemil convoque o Poder Legislativo para votar projetos com urgência. Neste caso, os parlamentares devem ser comunicados pelo presidente da Câmara, Cleosmar Fernandes. 

O expediente do parlamento lagunense durante o recesso será das 8h às 12h.

Além destas informações, 2018 foi o ano que prédio da Câmara recebeu uma reforma estruturante, novos equipamentos foram adquiridos para melhorar a comunicação com população.

Para o  ano de 2019, o presidente Cleosmar Fernandes projeta a construção de um prédio anexo para atender a demanda dos vereadores e dar acessibilidade a população." Temos a consciência que devemos melhorar a infraestrutura do parlamento, inclusive acessibilidade a população, seja física ou de maneira virtual, através das redes sociais e modernização do sistema", comentou Fernandes.

Cleosmar Fernandes, ressaltou alguns pontos importantes na sua gestão nestes primeiros dois anos, como; redução das diárias, extinção do telefone celular ao vereador pago pela Câmara, implantação do ponto eletrônico, a dispensa de carro alugado para o legislativo. " O zelo pelo que é público é nossa meta, o vereador tem condições de se comunicar sem precisar que a Câmara pague por isso, assim como a redução no valor das diárias, e também que cada parlamentar se desloque para onde desejar, com seu próprio veículo" observou o presidente.

 
Protocolos desta Publicação:Criado em: 21/12/2018 - 16:30:16 por: Sidnei Oliveira - Alterado em: 21/12/2018 - 23:06:53 por: Sidnei Oliveira

Notícias

Câmara terá Sessão Extraordinária nesta quinta-feira, às 18h
 Câmara terá Sessão Extraordinária nesta quinta-feira, às 18h

Os parlamentares lagunenses estarão reunidos nesta quinta-feira (6), em Sessão Extraordinária, às 18h, para votar projetos de autoria do Poder Executivo, entre eles o estatuto da Guarda Municipal,  aumento para cargos efetivos, além da revisão  anual do servidores públicos municipais.

NOTA DE ESCLARECIMENTO
NOTA DE ESCLARECIMENTO

Por solicitação do vereador Kleber Roberto Lopes Rosa, esclarecemos que houve um equívoco durante o cadastro  da Emenda  ao Projeto de Lei Complementar n° 007/19, no sistema da Câmara Municipal de Laguna. Por conta disso, o equívoco já foi solucionado,  sendo alterado a autoria da referida emenda. 

Câmara vota LDO nesta terça-feira, em Sessões Extraordinárias
 Câmara vota LDO nesta terça-feira, em Sessões Extraordinárias

Os parlamentares de Laguna, deverão votar a Lei de Diretrizes Orçamentária  (LDO),  nesta terça-feira (28), em duas Sessões Extraordinárias. Antes,  porém,  os vereadores realizarão Sessão Ordinária. 
A votação da LDO deve ter Sessão exclusiva. Por conta disso, o presidente da Câmara, Cleosmar Fernandes, assinou o ato de convocação nesta segunda-feira.

Comissão de Pesca define ações para a preservação do boto pescador de Laguna
Comissão de Pesca define ações para a preservação do boto pescador de Laguna

A Comissão de Pesca e Aquicultura da Assembleia Legislativa já definiu o conjunto de ações que pretende implementar para tentar frear o aumento da mortandade do boto pescador de Laguna, espécie que estaria sendo ameaçada pelo mal uso de redes de malha utilizadas para a pesca e pela poluição das águas costeiras do sul do estado.